Ensino da Arte

Sou professora de Artes e atuo na rede municipal de ensino de Juiz de Fora - MG. Leciono no curso de qualificação profissional de Desenho Artístico que faz parte da Associação de Apoio Comunitário - AMAC, vinculada a Prefeitura de Juiz de Fora.

Tenho alunos adolescentes e adultos no curso de desenho e tenho observado que muitos dos conteúdos necessários para o meu curso depende do que é administrado em Matemática (geometria) e em Artes, tais como: traçado e definição de tipos de linhas, ângulos, formas geométricas, figuras semelhantes, planificação de poliedros e etc. A maioria destes conteúdos não está sendo passada para os alunos devido às mudanças no PCN, acho que a maneira abrangente como foi colocado o ensino de arte deixou uma grande falha no conteúdo e os professores de matemática não estão ensinando o conteúdo de geometria totalmente (o que anteriormente era feito pelo professor de Educação Artística).

 

A consequência desta carência está na dificuldade dos nossos alunos interpretarem mapas, conseguirem perceber as estruturas de uma forma, entender os termos associados ao desenho nos programas gráficos de informática, enfim, várias atividades que poderiam desenvolver no aluno a percepção espacial e visual estão sendo deixadas de lado. O professor de Artes está sendo utilizado mais como um facilitador que preenche o tempo dos alunos, pois dizem que as crianças adoram pintar, colorir, encenar peças infantis, ou desenvolver atividades relacionadas á música e a dança.

O conteúdo que eles estão perdendo, vai interferir no desenvolvimento de toda a sua vida acadêmica, principalmente, se for fazer cursos nas áres de Arquitetura, Engenharia, Informática, Design gráfico, Design Industrial, Design de móveis e mesmo cursos técnicos voltados para o setor de projetos arquitetônicos, mecânicos,elétricos e hidraúlicos. Acontece que a formação estética do aluno pode ser feita sempre durante toda a vida mas, estes conteúdos que detectamos serem básicos e necessários para este aprendizado e que estão sendo excluídos fazem parte do programa anteriormente estudado no ensino fundamental.

É necessário uma discussão ampla sobre o conteúdo que está sendo inserido na grade curricular das escolas, nas áreas de Artes e Matemática no que se relaciona aos conhecimentos de desenho geométrico e a geometria em geral para que possamos detectar as posiveis alternativas de se corrigir esta lacuna criada pela falta de conteúdos necessários a formação global do aluno.

Rose Valverde - Professora de Artes, Artista Plástica e Designer
contato@rosevalverde.art.br

Voltar