Exposição "O que os olhos vêem... PAZ"

Clique aqui para ver os QUADROS

Retrospectiva com desenhos sobre sua família
download - power point

Rose Valverde
Informações:(32)3218-5907



Exposição na Galeria Arlindo Daibert, do Centro Cultural Bernardo Mascarenhas.
Av. Getulio Vargas, n. 200. Juiz de Fora, Minas Gerais.
Período: 15 de dezembro/ 2005 a 15 de janeiro/ 2006 .
Terça a sexta-feira: 9 ás 21 horas; Sábado, domingo e feriados, 10 ás 16 horas.


O que os olhos vêem...

Nasci na década de sessenta,
anos de luta pela democracia e pelo respeito
aos direitos humanos, num século marcado pela dor.
Há 60 anos explodiu a Bomba de Hiroshima,
talvez por isso tenha ficado implícito
em meu trabalho sempre um apelo
pela paz e pela luz.

Dizem que “o que os olhos não vêem o coração não sente”
e o que os olhos vêem???
O que os meus olhos vêem???

Meus olhos sempre procuraram a beleza e a felicidade
não a violência e a dor.
Eu quero ver a harmonia, o amor, a prosperidade e a paz.
A PAZ
sempre vai ser a minha bandeira,
para que possamos ter um futuro melhor.

Rose Valverde - 2005

Vernissage de Rose Valverde
"O que os olhos vêem... PAZ" - 15/12/2005
Rose com as filhas,Iara e Alline e sua mãe (Irani Corrêa Pinto)
Valeria, Rose, Plínio Mansur. Da esq. para a dir., professoras Magdala, Rose, Magali e
Waleria
Jota Trio - Zezinho da Guitarra, Joãozinho da Percussão e José Prieto Rose com Joãozinho da Percussão

Voltar